Como a Teoria da Relatividade deixa de ser ciência e torna-se ideologia

Thadeu Pena, publicou em seu blog o artigo Teoria da Relatividade é ideologia, e não ciência, defende pesquisador, que é uma resposta a outro, de mesmo título, publicado no sítio Inovação Tecnológica. O artigo original é um festival de bobagens, muito bem discutidas pelo Thadeu (por isso nem vou ficar reproduzindo aqui, leiam o que ele escreveu), mas levanta duas questões: os problemas de jornalistas escreverem sobre ciências e a fonte única de informações.

O primeiro problema já é antigo conhecido de quem é da área de ciências. O jornalista (que normalmente não tem formação em ciências biológicas ou exatas) pega um tema polêmico, faz meia dúzia de pesquisas e publica um artigo, geralmente com título bombástico, como "Pesquisadores clonam primeiro ser humano", ou "Einstein errou!", ou ainda "Teoria da evolução é questionada no meio científico". É o suficiente para vender o jonal/revista que ele escreve ou aumentar a visitação ao sítio que mantém. E ajuda a piorar (ainda mais!) a divulgação científica no nosso país. No caso do artigo citado pelo Thadeu, foi um pouco pior. A redação do sítio Inovação Tecnológica pegou o artigo de uma publicação portuguesa chamada Ciência Hoje (nada a ver com a Ciência Hoje brasileira) e reproduziu-o, não se deu ao trabalho nem de ler os comentários, praticamente todos contrários ao artigo. Só isso já seria motivo para pensar duas vezes antes de divulgá-lo. A não ser, claro, que se encaixe na minha descrição anterior, onde o objetivo é usar um tema polêmico pra aumentar a visibilidade da matéria. Atenção! Não quero com isso afirmar que todo jornalista é irresponsável. Existem alguns excelentes, muito sérios com o trabalho que realizam. Mas os que não são sérios conseguem fazer um estrago sem tamanho (e não só na área científica, como a gente bem sabe)…

O outro detalhe que esse caso levanta é a questão da confiabilidade da rede. Muitas pessoas criticam a Wikipédia, afirmando que uma enciclopédia onde todo mundo põe a mão não pode ser confiável. Mas nesse caso, quem suspeitaria que um sítio como o Inovação Tecnológica? Quantas pessoas não o usuariam para fazer uma pesquisa e sairiam afirmando que a Teoria da Relatividade não é científica? E o pior é que o sítio não aceita nem mesmo o envio de comentários. Ou seja, não é possível nenhum tipo de interação. Algo meio surreal na Internet de hoje. Então, mais uma vez, lembrem-se do mantra da boa pesquisa: não confie em uma única fonte de informações! Repita isso várias vezes ao dia. E ensine outros a fazê-lo. Vai fazer bem pra todo mundo. E pensem várias vezes antes de divulgar algum sítio/assunto/pessoa. A divulgação de bobagens é muito mais nociva do que a não divulgação de coisas sérias.

Posted in Sem categoria and tagged , , , .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *